13 janeiro 2017

Resenha: O Projeto Rosie - Graeme Simsion

Título: O projeto Rosie
Autora: Graeme Simsion
Editora: Record
Ano: 2013
Páginas: 320

Para se ter a vida de Don Tillman, não é preciso muito esforço. Às terças-feiras come-se lagosta com salada de wasabi (seguindo um roteiro com refeições padronizadas que evitam o desperdício de ingredientes e de tempo no preparo); todos os compromissos são executados de acordo com o cronograma – alguns minutos reservados para a prática do aikido e do caratê antes de dormir; uma hora para limpar o banheiro; três dias da semana reservados para suas idas à feira – e se, apesar dessa programação, algum desagradável contratempo surgir em sua rotina, não há nada que não possa ser solucionado com meia hora de pesquisa científica.

Exceto as mulheres.

Até o momento, a única coisa não esclarecida pelos estudos no campo de atuação de Don, a genética, é o motivo para sua incapacidade de arrumar uma esposa. Uma namorada ao menos? Ou até mesmo uma amiga para somar ao seleto grupo de amigos de Don, formado por Gene, também professor na universidade, e a mulher dele, Claudia, psicóloga e esposa muito compreensiva.

Para solucionar esse problema do modo mais eficaz, Don desenvolve o Projeto Esposa, um questionário meticuloso que irá ajudá-lo a filtrar candidatas inadequadas a seu estilo de vida: fumantes JAMAIS, e mulheres que se atrasam por mais de cinco minutos ou que usam muita maquiagem estão fora dos critérios pouco flexíveis que o levarão à mulher ideal.

O único problema é que um questionário desse tipo exige tempo e dedicação, duas coisas que começaram a diminuir exponencialmente no cotidiano de Don desde que ele conheceu Rosie: fumante, vegetariana e incapaz de chegar na hora marcada. Ou esse era o único problema até Rosie entrar na vida de Don e – despretensiosamente, uma vez que ela nunca se candidatou ao Projeto Esposa – mostrá-lo que a mulher ideal não existe, mas o amor, sim.



O livro do Nossa...


Nossa, que livro chato...😩
Nossa, até que estou gostando...😏
Nossa, todo mundo tem que ler!😍

Taí... Esse livro me surpreendeu e sim, eu AMEI❤️      e indico a leitura dele à todos, principalmente aos profissionais da educação, psicólogos e pessoas que tem a oportunidade de conviver com os "Don's" da vida. (Existem muitos Don's espalhados pelo mundo... Graças à Deus).🙏🏻

Vamos à resenha:

A estória é narrada por Don Tillman, um homem de 39 anos, geneticista, de poucos amigos e muitas manias. (Bote uma intensidade no "muitas" aí!rs)

Don é um cara atraente, inteligente, mega-ultra-power rangers organizado, valoriza o tempo e odeia desperdícios.

Pra ele, não existe nada que ele não seja capaz de aprender! Uma pessoa que aprende "com manuais" à preparar drinks e a dançar merecem meu respeito!rs (no início ele teve dificuldade pra sincronizar teoria/ treino/ prática, mas ele já está acostumado com risadas "bullyingnosas" e logo joga a cartola pro alto e se deixa levar pelo ritmo).🎩🎼

Don é amigo do casal de psicólogos Gene e Claudia. Fico admirada com a atenção que o casal dá ao amigo, mas, entendo também que eles têm na verdade um "estudo de caso pra chamar de seu".

Desenvolvi um caso de amor e ódio com Gene e Claudia...❤😡

Claudia me irrita com sua passividade em relação ao marido, mas ela ama Gene e aceita seu projeto pessoal absurdo! ("pesquisador poliglota") E ela pelo menos me fez dar boas risadas com uma vingancinha apimentada!😝      (Don, vai ver foi o cerebelo dela que deu um tiute)😁

Don também sabe ser bom amigo e quebrando um galho pro amigo-safado Gene, Don ministra uma palestra sobre Síndrome de Asperger e Autismo (ele não "dominava" o assunto (???) e por isso foi estudar e se preparar para falar sobre o mesmo.)👏🏻

U-A-U 😧😍

Queria tanto estar lá pra ouvi-lo, e ainda me pergunto qual seria minha atitude diante ao problema exposto.😕      Quando conhecemos pessoas com essas características, o assunto torna-se leitura obrigatória e muito explicativa!

Um click, acredita que no meu celular não tem figurinha de lâmpada pra expressar a "idéia"??? Bissuuuuurdo 😱

Bom, Don tem uma ideia para seu problema pessoal após uma conversa na palestra, e cansado de não ter sucesso em suas tentativas de início de relacionamento, nosso homem-gato-prodígio buscando evitar desperdícios de energia e tempo (levando-se em conta sua idade) cria o Projeto Esposa 👰🏼 e com a ajuda dos seus amigos psicólogos que propõem algumas adaptações no questionário, ele parte em busca de candidatas que atendam às suas muitas expectativas.💍📝

Algumas verdades à frente, Don percebe que não está tendo o sucesso esperado, mas, gente...

 Não pode fumar (ok, eu fumava e entendo os motivos)
 Não pode ser sedentária (já tô fora aí!rs)
 Não pode pintar o cabelo (tô fora pelas próximas 3 encarnações)
 Tem que saber cozinhar (game over pra Gi)😩

Tem mais... Muito mais...✔️

Don é apresentado à Rosie e nos primeiros segundos de bate papo já percebemos que Rosie é mais uma amostra do fracasso do Projeto Esposa.
Tudo bem, não dá pra ser esposa, mas, dá pra ajudar Rosie no seu drama pessoal: a busca pelo seu pai biológico! Nasce o "Projeto Pai".

Gente, eu me diverti muito lendo sobre essa busca, Rosie é doidinha, fuma, fala palavrão, é vegetariana... e faz o que tem vontade sem seguir cronogramas. Conseguem imaginar essa convivência?

Não posso falar mais... Sorry (arraso no inglês, falaê) 😁Não quero entregar o ouro, os corações e suspiros à frente...❤😍

Entendo perfeitamente quem já leu e não curtiu, às vezes certos assuntos nos atraem mais quando temos um caso próximo na família ou no convívio social, mas de verdade, vale a pena dar uma oportunidade ao livro assim como Rosie deu ao Don a chance de conhecer outras formas de viver. "Quebrando regras, cronogramas e alterando a hora no micro-ondas" por exemplo!😉


E olha a boa notícia é que tem continuação e se chama: O Efeito Rosie.


Recomendo a leitura e dou 🌟🌟🌟🌟🌟especiais à estória ❤👫


Beijos, Gi💍









3 comentários via Blogger
comentários via Facebook

3 comentários:

  1. Oii! O Don deve parecer um pouco com o Sheldon (The Big Bang Theory) e só por isso já me deixou interessada kkkk
    Beijo
    http://vicioseliteratura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ainda não consegui ler esse livro, as manias do personagem Don deve garantir umas risadas. Fiquei com vontade de ler.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  3. Esse ainda não li. Não sei se leria, o enredo parece bom só questão de gosto mesmo.

    ResponderExcluir

© Book Obsession ♥ | Design e Desenvolvimento: JaqueDesign imagem-logo