22 setembro 2017

Resenha: Mulher-Maravilha: Sementes da Guerra - Leigh Bardugo - Editora Arqueiro

Título: Mulher-Maravilha: Sementes da Guerra - Lendas da DC #1
Autora: Leigh Bardugo
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 400
Onde Comprar: http://amzn.to/2xsNroS
Sinopse:
Antes de se tornar a Mulher-Maravilha, ela era apenas Diana.
Filha da deusa Hipólita, Diana deseja apenas se provar entre suas irmãs guerreiras. Mas quando a oportunidade finalmente chega, ela joga fora sua chance de glória ao quebrar uma lei das amazonas e salvar Alia Keralis, uma simples mortal.
No entanto, Alia está longe de ser uma garota comum. Ela é uma semente da guerra, descendente da infame Helena de Troia, destinada a trazer uma era de derramamento de sangue e miséria. Agora cabe a Diana salvar todos e dar seu primeiro passo como a maior heroína que o mundo já conheceu.




Sempre gostei da personagem Mulher-Maravilha, mas até então nunca havia lido nada sobre a história de Diana e de como passou a ser vista como uma heroína.

Aí a Editora Arqueiro resolve trazer para nós leitores a série e a já de estreia temos Leigh Bardugo contando tudo sobre a Mulher-Maravilha.

A trama inicialmente se passa em Temiscera, uma ilha onde Diana, sua mãe – rainha Hipólita – e as Amazonas vivem. Elas não têm contato com outras pessoas e são protegidas do perigo externo, uma vez que ninguém consegue ter acesso ou localizar a ilha a olho nu.
Cercadas de tarefas, treinamentos e regidas por severas leis, todas as Amazonas são proibidas de terem qualquer tipo de contato com “mortais”, muito menos levarem para a ilha.
Há anos atrás, algumas Amazonas se envolveram fora da ilha e ao retornarem pagaram um alto preço por suas escolhas de se envolverem com indivíduos de fora.

“- Não se entra em uma corrida para perder.”

Dentro da ilha nem todas gostam da forma com Hipólita conduz seu reinado, sobretudo por Diana que foi concebida através do barro o que gera desdenho de boa parte das Amazonas devido sua origem. Algumas acreditam que Diana é fraca, não tenha qualidades e muito menos experiência em batalhas como elas.
Eis que uma corrida está acontecendo na ilha e Diana que parecia focada em não perder a disputa e não envergonhar sua mãe, acaba se metendo em uma grande enrascada, quando avista um barco afundando com uma garota desacordada. Ela não pensa duas vezes em pular no mar e ajudar a salvar a Alia, mas o problema é que com isso teria que levar para ilha e abriga-la mesmo sob o risco de ser expulsa de sua terra. E decide esconder a jovem numa caverna.

“Organize-se. As pessoas tendem a perder batalhas por não saberem que guerra estão lutando.”


Mas o problema ainda estava apenas começando, já que a ilha começa a cobrar o preço e denuncia que algo está tirando o equilíbrio dela ocorrendo uma série de enfermidades entre as Amazonas para o desespero de Diana que não consegue pedir ajuda da rainha, mas parte para o conselho do oráculo que ordena que ela deixe a semente da guerra morrer.
Diana nunca foi uma pessoa ruim e sai em defesa da Alia e após conhecer os motivos que o oráculo traz à tona, essa guerreira resolve sair da ilha em busca do equilíbrio e de uma forma de parar o ciclo da semente da guerra que rodeia Alia.

“- Vermelho, como Sirius, a Estrela Canina. Meu nome é em homenagem à caçadora Diana, e eu nasci sob a constelação preferida dela, Órion. A pedra foi cortada a partir da coroa da minha mãe.”


A história me deixou encantada e muito satisfeita. Primeiro porque não fazia ideia do início da trajetória de Diana e segundo porque me surpreendeu pelo desenrolar dos acontecimentos e em nenhum momento senti a leitura arrastada, pelo contrário, diálogos repletos de informações sobre mitologia, fatos históricos dentro de uma leitura bem atual que sem dúvidas se tornou uma das favoritas. Não conhecia a escrita da Leigh Bardugo e já quero conhecer suas outras obras.

A edição está impecável. A diagramação e a capa são lindas. Deixando a leitura ainda mais empolgante.
Uma fantasia para ninguém botar defeitos.

Mulher-maravilha é o primeiro livro da série Lendas da DC e ainda terá outras obras lançadas pela editora Arqueiro como: Batman (Marie Lu), Superman (Matt de la Peña) e Mulher Gato (Sarah J. Maas).
Com esse time de autores consagrados, você ainda tem alguma dúvida de que será um arraso esses próximos lançamentos! 







10 comentários via Blogger
comentários via Facebook

10 comentários:

  1. Oi camisa,
    Não conhecia o livro vi a história da Diana por causa do filme que saiu esse ano e juro que fiquei um pouco confusa porque no filme quem ela encontra na praia e um homem seu par romântico. Agora não sei qual a versão correta rs...Enfim vou consultar os universitários meu marido sobre isso ele conhece tudo desse universo Hq
    Beijos
    Raquel machado
    Leitura kriativa
    Http://leiturakriativa.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Desculpa vi que seu nome saiu errado estou digitando no celular e uma droga...

      Excluir
  2. Amei a resenha <3
    Não conhecia o livro. Obrigada pela dica!
    Beijos <3
    https://subsolodamente15.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, tudo bem? Estou vendo bastante este livro por aí ultimamente. Não é muito meu gênero, mas ainda assim parece ser bom. Adorei!

    ResponderExcluir
  4. Primeiro, a capa desse livro está divosa!
    Segundo, eu estou bem curiosa com essa leitura, eu gosto bastante dos heróis da DC e já quero essa série. Adorei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Oiii!!

    Que bom que a editora vai começar apostar nesse tipo de público! Isso é ótimo, eu não sabia que ia virar série! Bem bacana.
    Acho que não tem como não se apaixonar pela Mulher Maravilha, né??
    Adorei.

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Quero muito ler esse livro, pois amo a história da Mulher Maravilha, acho ela um baita personagem da DC e fiquei muito feliz com o filme.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  7. Sem dúvida é um livro muito especial, com uma história mega marcante!
    Eu estou querendo esse livro já tem um tempinho e sua resenha só me deixou mais curiosa. rs
    Adorei os quotes! Grata pela sugestão!
    Beijos!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  8. Oi tudo bem?
    A mulher maravilha é uma das minhas heroínas favoritas e estou louca para conhecer um pouco mais sobre a história dela nesse livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Camila, eu nunca fui muito fã da mulher maravilha, mas depois do filme eu fiquei bem interessada.
    A história parece ser legal e envolvente.
    Fiquei curiosa em ler.

    ResponderExcluir

© Book Obsession ♥ | Design e Desenvolvimento: JaqueDesign imagem-logo