Resenha: Insano - Andy Collins - Editora PL

Título: Insano - Série Originals #1
Autora: Andy Collins
Editora: PL
Ano: 2015
Páginas: 366
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:


Gael Trent Malloy é o famoso vocalista da banda de Rock Originals, depois de um trágico acidente no palco que o deixa impossibilitado de andar, o sexy vocalista tenta recuperar seus movimentos com a ajuda dos seus amigos, o que ele não esperava era que, ao longo dessa jornada seu caminho cruzasse com o de Hanna Daves, a doce pintora que consegue quebrar suas barreiras sem nem ao menos mover um músculo.
Com ela, ele vai descobrir que suas limitações físicas não são nada diante do que a consome.
Ele nunca quis ser a salvação de ninguém, até hoje.



Insano é o primeiro livro da série Originals e traz como protagonistas Gael e Hanna.

Gael Trent Malloy, é o vocalista da banda de rock Originals e desde a sua formação estão ao seu lado seus amigos: Micah, John e Braden. Em plena apresentação, ocorre um problema no palco e um trágico acidente leva a consequências que mudaria de vez a vida desse rockstar. 

Muito abalado pelo ocorrido, Gael se desespera ao não sentir suas pernas e terá que enfrentar sessões de fisioterapia e se acostumar com sua nova condição de vida.

Hanna é uma jovem e talentosa artista. Passa horas e até dias imersa em seu estúdio e não só pelo prazer de pintar, mas porque foi a maneira que encontrou de exorcizar seus demônios. Seu tempo se divide entre sua pintura e seus trabalhos voluntários com crianças e jovens no hospital, além de outros projetos sociais. Sua beleza chama atenção de Gael, mas sua falta de traquejo em lidar com toda sua condição acaba fazendo-o exagerar em suas ações e para se desculpar a convida para sair. 

“Existem sentimentos que não precisam ser verbalizados; um abraço mais apertado, um ritmo descompassado a cada batida do coração, um olhar terno ou um sorriso sincero. E eu nunca tive isso na vida, seja com palavras ou ações, não das pessoas que realmente precisei.”

Gael é um cara acostumado com todas as mulheres aos seus pés e só de ver Hanna batendo de frente e impelindo suas ações, o deixa extremamente atraído por essa bela mulher. A partir desse primeiro encontro Hanna e Gael ficam cada vez mais próximos e o que seria apenas um encontro, vira um relacionamento intenso, explosivo. Seus amigos temem que ambos saiam machucados desse relacionamento, já que eles precisam retornar para a estrada em até dois meses e mesmo assim resolvem continuar se vendo até que chegue o momento de retornar na turnê.

"Você encheu minha vida de cores. Deixe-me tocar a sua alma."

Porém ambos têm seus monstros do passado e Gael se mostra cada vez mais possessivo e ciumento, principalmente com seu amigo Micah, fazendo verdadeiras cenas ridículas de homem das cavernas. Mas o que ele não poderia imaginar é que Micah e Hanna tinham uma ligação que envolvia um grande segredo da infância.

A vida de Hanna seguia de certa forma tranquila, mesmo com todos os fantasmas do passado lhe assombrando estava vivendo feliz, até que um encontro será capaz de trazer consequências devastadoras na vida desse casal.

“Você é a minha força, Gael. É o meu anjo.”

Estava bem curiosa com essa história. E confesso ter me surpreendido pelo enredo e os temas abordados nessa trama. Com bastante cuidado, a autora fala sobre preconceito racial, rejeição e superar obstáculos.

A narrativa é realizada de forma alternada por Gael e Hanna, além disso temos uma playlist para ninguém botar defeitos e alguns trechos embalam o início de cada capítulo. Deixando a leitura ainda mais envolvente.



Apesar do casal ter uma química e uma dinâmica interessante, o que mais me chamou atenção foi a amizade dos integrantes da banda e a cumplicidade deles com Hanna, mostrando o quão são diferentes do estereotipo das bandas que estamos acostumados a ver nas leituras com essa temática.

Andy Collins mais uma vez me surpreendeu com sua escrita madura, personagens consistentes e um romance bem gostoso de ler. Estou bem animada para conhecer, Insensível, o segundo livro da série, que conta a história de Micah. Se você gosta de leituras com bastante música, uma pegada hot, mas com uma história repleta de conflitos e dramas intensos, vale a pena dar uma chance a esse casal insano.







16 comentários via Blogger
comentários via Facebook

16 comentários

  1. Oi Camila, como você está? Esse não é um livro que me chama atenção por conta do gênero que em geral não me agrada.
    Fico contente que tenha gostado da história e apesar de ser um livro que em geral não me atraia, curti a parte que mencionou a amizade e outros itens.
    Vou anotar a dica.. Quem sabe em algum momento eu não leia.
    Beijos.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila! Esse tipo de romance não é o que eu tenho o hábito de ler, prefiro os de época. Mas achei diferente o fato da autora ter colocado um protagonista que a princípio era um galã, cheio de opções com as mulheres, e que de repente se vê vulnerável e dependente de uma mulher. Obrigada pela dica.


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  3. Aiiiii, estas capas me dizem sempre a mesma coisa: clichê! Mas aí eu leio a resenha e parece um pouco diferente. Gosto de saber sobre a questão da amizade sabe, mas aí eu olho de novo a capa e não consigo seguir adiante para pegar o estilo e ler sabe?

    ResponderExcluir
  4. Heiii, tudo bem?
    Gente,como eu ainda nao conhecia esse livro?!
    Amooo romance com rock stars! Acho que deixa tudo mais caliente e os romances sempre tem aquelas complicações que amamos hahaha.
    Adorei a capa e vou ler com certeza.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  5. Oi Camila, tudo bem? Eu não conheço a série, mas leio bastante livros com essa temática e já sei que vou gostar! Acho bacana quando os autores além do romance nos mostra bem as amizades como no caso que vc citou, acho que vou adorar conhecer essa banda!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  6. Oi, Camila! Tudo bem? Ainda não conhecia nem o livro nem a autora, mas adoro histórias que envolvem astros do rock então já é um incentivo a mais para me aventurar nesse enredo né ahaha Adorei sua resenha e vou anotar na minha wishlist <3

    ResponderExcluir
  7. Ahh!! Amei a resenha, obrigada!! espero que curta os próximos ;)

    ResponderExcluir
  8. Não conheço a série, mas fiquei bem curiosa para acompanhar a recuperação de Gael e isso é, se ele se recupera, sem dizer esse segredo de Micah e Hanna, fantasmas do passado sempre rende boas reviravoltas, espero que seja o caso. Recomendação anotada, espero ter a oportunidade de ler, mesmo sendo série.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá Camila,
    Esse livro deveria ter como nome clichê, né? Conforme fui lendo sua resenha, fui lembrando de quantos personagens eu já vi passando por essas mesmas situações, mas esse livro tem algo que me atraí que é a amizade entre os meninos da banda. Acho que é uma dica que vale a pena anotar e que pode agradar.
    Amei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá, Camila!

    A premissa dessa história não me interessou e conforme você foi falando mais do relacionamento deles menos eu quis ler.rsrs Sei lá. Têm livros que rejeito logo de cara sem uma explicação racional. O pior é que pode ser até uma história que eu gostaria. :( Gosto que as histórias tenham trilha sonora, dramas mais intensos e que tenha pegada hot sem ser exagerado, sem que seja sexo sem conteúdo, mas algo na história não me atingiu.

    ResponderExcluir
  11. Eu adoro livros que envolvem banda de música ou o universo musical de alguma forma e você ressaltar a amizade entre os integrantes me deixou bem animada para ler o mais rápido possível. Amei a dica.
    beijos

    ResponderExcluir
  12. Oie!

    Eu achei que se tratava sobre uma coisa essa obra, mas na realidade ela é outra bem diferente, não sei se leria ou gostaria da história, pela sua resenha noto que acabaria me estressando durante a leitura, mas vou deixar a dica anotada porque amei a capa e a proposta da autora!

    Bjss

    ResponderExcluir
  13. Olá, gosto muito de livros com personagens de bandas de música, mas ainda não conhecia esse. Depois da resenha, já quero ler esse romance e descobrir quais os segredos do passado que a protagonista guarda.

    ResponderExcluir
  14. Oi, Cami

    Aiii, quero distância desse tipo de personagem possessivo. Possessivo? Ciumento? Homem das cabernas? Não, tô fora. E ainda tem essa pegada de banda e etc que eu não curto, então realmente não é uma história que eu leria .
    Que bom que pra você foi uma leitura legal.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  15. Olá, tudo bom?

    Faz muito tempo que eu não leio livro com músicos, então acredito que essa seja um boa pedida. Porque além de ter o romance, trata de assuntos importantes como o preconceito racional. Quero muito ver como o relacionamento dos dois foi desenvolvido, apesar de não gostar quando os mocinhos são muito ciumentos - depende muito das ações que eles fazem em relação a isso. Porém, não posso deixar de querer saber sobre o passado da Hanna, então só lendo para descobrir. Espero que tenha um final feliz e quero ler assim que possível <3

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação :)
    Abraços.

    ResponderExcluir
  16. Oiii tudo bem??

    Eu estava muito bem até vc dizer se gosta de muita musica, pegada hot, ai já sei que não é pra mim.
    Não costumo curtir livro de músicos, mas o lance de falar de preconceito e etc me pareceu bem legal.
    Ia dar uma chance, mas hot, nem pegada nem sem pegada não me desce.
    Adorei a resenha.
    Bjus Rafa

    ResponderExcluir