Resenha: Um beijo inesquecível - Julia Quinn - Editora Arqueiro

Título: Um beijo inesquecível - Os Bridgertons #7
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Ano: 2016
Páginas: 272
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:


Toda a alta sociedade concorda que não existe ninguém parecido com Hyacinth Bridgerton. Cruelmente inteligente e inesperadamente franca, ela já está em sua quarta temporada na vida social da elite, mas não consegue se impressionar com nenhum pretendente.
Num recital, Hyacinth conhece o belo e atraente Gareth St. Clair, neto de sua amiga Lady Danbury. Para sua surpresa, apesar da fama de libertino, ele é capaz de manter uma conversa adequada com ela e, às vezes, até deixá-la sem fala e com um frio na barriga.
Porém Hyacinth resiste à sedução do famoso conquistador. Para ela, cada palavra pronunciada por Gareth é um desafio que deve ser respondido à altura. Por isso, quando ele aparece na casa de Lady Danbury com um misterioso diário da avó italiana, ela resolve traduzir o texto, que pode conter segredos decisivos para o futuro dele.
Nessa tarefa, primeiro os dois se veem debatendo traduções, depois trocando confidências, até, por fim, quebrarem as regras sociais. E, ao passar o tempo juntos, eles vão descobrir que as respostas que buscam se encontram um no outro... e que não há nada de tão simples e de tão complicado quanto um beijo.



Hyacinth é a caçula da família Bridgertons. Seu jeito espontâneo e perspicácia a faz ser uma jovem de destaque, porém seu jeito atrevido e espoleta também lhe mete em várias encrencas. Iniciando na quarta temporada de bailes da sociedade londrina, mas o fato é que Hyacinth não consegue se decidir por um pretendente à sua altura no quesito inteligência. 

Até que surge Gareth St. Clair, o neto de Lady Dunbury, sua amiga que arrasta o rapaz para um dos recitais que está acostumada a ir. Eles são apresentados e assim que começam a conversar, Hyacinth percebe que finalmente tem um adversário à sua altura e por incrível que pareça a bela que sempre parece ter a última palavra nas discussões, acaba ficando mais calada em sua presença.

"Hyacinth sorriu. Ele era engraçado. E inteligente. E muito, muito bonito, embora isso jamais tivesse sido colocado em questão. Ela se deu conta de que Gareth era tudo aquilo o que sempre dissera para si mesma que procurava num marido."

Gareth tem um passado um pouco conturbado. Seu pai e ele nunca se deram muito bem e sempre se trataram com muita formalidade e para manter as aparências. Mas agora que seu pai quer um favor, resolve se aproximar e lhe obrigar a casar com a vizinha, uma jovem que tem distúrbios mentais. Chocado com a falta de caráter do seu pai que só pensa em não destruir o patrimônio deles, Gareth o enfrenta e não concorda, deixando-o furioso e trazendo à tona o porquê deles serem tão diferentes um do outro. Gareth não era seu filho legítimo. 

Ansioso para encontrar algumas respostas, Gareth sai em busca de Hyacinth e pede sua ajuda para traduzir um diário que pode revelar muito sobre sua história e sua família. O problema é que está em italiano e como Hyacinth domina a língua concorda em ajuda-lo. Claro que junto dessa aproximação, eles acabariam compartilhando grandes revelações sobre a vida de cada um e unindo ainda mais esses dois, tornando a história cada vez mais envolvente.

“Seus lábios se encontraram e ele não fez o correto para uma primeira vez. Não foi dócil nem doce. Simplesmente a beijou. Com tudo o que tinha, com todo o desespero que corria por suas veias.”

Simplesmente amo esse livro. Desde as primeiras aparições de Hyacinth foi a Bridgertons que mais me chamou atenção. Seu jeito esperto, sua inteligência e mente rápida na resolução de qualquer situação, além de se meter em grandes confusões e deixar a história com toques de humor. 

A narrativa é rica e sempre um prazer ler Julia Quinn e rever seus personagens nessa grande e acolhedora família. Temos mais dos primeiros irmãos dando o ar da graça, assim como a participação mais ativa de Violet, mostrando o quanto a matriarca dessa família é tão especial. 

Vale destacar Lady Dunbury, que é uma personagem que morro de rir com suas traquinagens e seu jeito peculiar de falar tudo o que pensa, para a minha felicidade participa de outros livros da autora além dessa série. Sempre que aparece temos a certeza de que aprontará para cima de alguém.



Um beijo inesquecível é um dos meus livros favoritos da série. Ver Hyacinth desabrochar, conhecer seus medos e suas inseguranças atrás daquela menina que adora um grande embate à medida que os livros foram passando e conhece-la no seu romance foi encantador. 

Se você gosta de romances de época cheio de diálogos bem humorados, confusões irá se divertir muito com a história desse casal.







14 comentários via Blogger
comentários via Facebook

14 comentários

  1. Eu ainda não iniciei essa série, mas quero muito. Só vejo resenhas elogiando os livros. E não podia ser diferente, Julia é diva demais. Adoro os romances de época dela. Gostei de saber mais sobre esse sétimo livro, fiquei curiosa para conhecer a caçula.
    beijos
    www.apenasumvicio.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Camila, eu adomo a Hyacinth desde o primeiro livro dessa série, ela sempre aparecia em situações engraçadas. Tb gostei desse volume e ainda mais da intereção da protagonista com Lady L, uma das minhas personagens preferidas da Julia Quinn! Deu até vontade de reler o livro agora!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. Oi.
    Acredita que tenho os primeiros livros da série, mas ainda não comecei a ler?
    Então, a verdade é que estou apaixonada por romances de época, mas peguei o costume de ler um livro mais denso durante o dia, quando tenho tempo e outro mais levinho, em ebook, antes de dormi. Então os levinhos que tenho na estante estão ficando para trás.
    Mas sua resenha me deixou com mais vontade ainda de conhecer a série, já amei a protagonista por ter destaque por conta da sua inteligência e acho que vou me divertir com as confusões que ela apronta.
    Adorei a resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Oie!
    Li o primeiro volume da série e ele foi o suficiente para esfriar meu interesse pelas continuações. A caçula foi a personagem mais interessante dos irmãos, de fato, mas acho que nem mesmo assim gostaria de continuar :/
    Gosto mt de romances de época, mas o estilo da Julia não conseguiu me prender.
    Mas eu gosto da premissa de ser vários irmãos de idade diferente, já que sempre vai ter aquela lembrança dos volumes anteriores.
    Que bom que gostou do livro, mas n sei se seria para mim :/ quem sabe um dia eu volte a ler a série.

    ResponderExcluir
  5. me parece ser uma trama bem divertida mesmo, pela descrição que você deu de alguns dos personagens... não leio Julia Quinn, tentei mas não me identifiquei com sua escrita, mas para os fãs do gênero, deve ser uma série agradável, incrível... bacana você acompanhar o desabrochar da personagem...
    bjs ^^

    ResponderExcluir
  6. Oi, Camila!
    Eu amei demais esse livro. A Hyacinth é uma personagem que me conquistou desde o começo da série e eu estava bem ansiosa pelo seu livro. A cena do Gareth pedindo a mão dela pro Anthony é a melhor hahahaah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
  7. Oi Camila!
    Quando o assunto é romance de época, a Julia Quinn sempre está no meio. Nunca li nada dela, apesar de só ter lido críticas positivas a respeito de seus livros. Porém, nunca me interessei pelas suas histórias por não ser a maior fã de romances e muito menos de romances de época.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oi Camila! Ainda não li nenhum livro desta série, mas tenho vontade afinal, ela é bem recomendada. E gostei de saber que tem mistério e muito mais. Deve ser um conflito e tanto entre os dois já que eles são determinados e decididos e nenhum dos dois deve dar o braço a torcer. Julia Quinn é a mestre dos romances de época!


    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com

    ResponderExcluir
  9. Aaahhhh Julia Quinn (Suspiros)...

    Toda vez que vejo uma resenha de um dos livros dela meu coração chega a ficar feliz. Os livros dela são simplesmente maravilhosos e não tem como não se apaixonar pelos irmãos!

    Eu até hoje tenho a minha dúvida de qual livro eu mais gosto dela!

    Simplesmente ameiiii sua resenha! Meus parabéns!

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Cada resenha que leio sobre essa série, só aumenta a minha curiosidade! Preciso ler com urgência, porque me sinto a "diferentona" por não ter lido ainda. Por esses dias, li Como Agarrar uma Herdeira e me encantei com a escrita da Julia. Agora lendo sua resenha, tenho certeza que vou amar essa série! Espero ler ela em breve!

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá Camila, tudo bem?
    Gostei muito da sua resenha e fiquei bem animada para concluir essa série, que ainda não terminei. Eu gosto muito da família e tenho vontade de conhecer a Hyacinth mais a fundo, uma vez que ela não aparece muito nos outros livros. Fiquei muito contente por saber que ela desabrocha nesse livro e vou tentar terminar essa série esse ano ainda.
    Beijos,
    https://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  12. Oi.

    Eu ja li toda essa série, amo de paixão todos dessa familia e amo todos os livros da autora. Comecei a gostar desse gênero depois que li esses livros, por isso, eles tem um lugar especial no meu coração e na linha minha estante. Agora que li essa resenha, bateu uma saudades e uma vontade de reler os livros e de ter mais dessa família.

    ResponderExcluir
  13. Oi Camila, como está?
    Hyacinth? Gente, que nome de diva bafônico is it? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk, AMEI.
    Ainda, adorei a proposta desse livro e adoro a da série como um todo, pois toda a família tem as suas particularidades meio loucas e eles não são diferentes, :D.
    Abraços e beijos da Lady Trotsky...
    http://www.galaxiadeideias.com/
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Hyacinth é a minha menina impertinente. Minha doce e tagarela, impossível de lidar, cheia de opinião desde o primeiro livro lançado. Como AMO ESSA MENINA! Meu coração chega bater mais forte só de ver a capa de um dos meus favoritos da série. Amo demais que a Lady Dandbury apareça mais, todo envolvimento do casal principal e como o romance acontece. Essa família louca é dona do meu coração! Amei ler a resenha de um dos meus bebês! <3

    ResponderExcluir