Resenha: O fundo é apenas o começo - Neal Shusterman - Editora Valentina

Título: O fundo é apenas o começo
Autor: Neal Shusterman
Editora: Valentina
Ano: 2018
Páginas: 272
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:

Uma poderosa jornada da mente humana, um mergulho profundo nas águas da doença mental.
.
CADEN BOSCH está a bordo de um navio que ruma ao ponto mais remoto da Terra: Challenger Deep, uma depressão marinha situada a sudoeste da Fossa das Marianas.
.
CADEN BOSCH é um aluno brilhante do ensino médio, cujos amigos estão começando a notar seu comportamento estranho.
.
CADEN BOSCH é designado o artista de plantão do navio, para documentar a viagem com desenhos.
.
CADEN BOSCH finge entrar para a equipe de corrida da escola, mas na verdade passa os dias caminhando quilômetros, absorto em pensamentos.
.
CADEN BOSCH está dividido entre sua lealdade ao capitão e a tentação de se amotinar.
.
CADEN BOSCH está dilacerado.
.
Cativante e poderoso, O Fundo é Apenas o Começo é um romance que permanece muito além da última página, um pungente tour de force de um dos mais admirados autores contemporâneos da ficção jovem adulta.



Estava muito curiosa para conhecer a escrita desse autor e como ando em um caso de amor com os livros da editora Valentina resolvi apostar nessa leitura.

No centro dessa trama temos um jovem chamado Caden. Morando com sua família e dividindo seu tempo com a escola e o relacionamento familiar, esse rapaz começa a nos mostrar vários fatos que acontecem em seu dia a dia. 

A partir de então fica nítido que Caden mistura o real com o seu imaginário. Vivendo assim, grandes aventuras, perseguições, questionamentos e acaba ocasionando medo. Questionado por seu pai, quando levanta a hipótese de estar sendo ameaçado por algum colega na escola, confuso, começa a imaginar que também corre perigo em casa.

“O que vejo quando fecho os olhos? Às vezes, uma escuridão que ultrapassa tudo que sou capaz de descrever. Ela pode ser gloriosa ou aterrorizante, e raramente sei qual das duas vou encontrar.”

As nuances de seu comportamento vão dando uma ideia de como Caden não consegue mais diferenciar a realidade. Estando imerso em sua mente e em seus vários mundos: estudante, tripulante e até mesmo artista. Nessa confusão, seus pais tentam auxiliá-lo buscando ajuda e a partir daí mergulhamos em um tema delicado, pouco explorado nos livros por ser tão enigmático.

O fundo é apenas o começo é uma leitura rica em sentimentos. Confesso que demorei a entender o que o autor queria passar ao longo dos capítulos narrados por Caden. Mas depois fui acostumando com os mundos paralelos que o personagem criou e a narrativa se tornou mais fluida e emocionante. 

“Agora, imagina viver assim o tempo todo, sem nunca saber ao certo quando vai estar aqui, lá ou em alguma zona intermediária. Se a única medida da realidade que se tem é a própria mente... o que acontece quando ela se torna uma mentirosa patológica?”

A mente humana é algo que me fascina, tanto que em minha profissão o que mais gosto de lidar são os pacientes neurológicos, vocês não têm noção do quanto aprendemos com cada demonstração que nos dão. 

O autor foi muito feliz em trazer um tema como esse e nos apresentar um personagem tão especial e cativante de forma direta, sem prolongar a trama. É impossível não se emocionar quando tudo parece ruir e torcer para que Caden tenha mais momentos dentro da realidade do que fora dela.


Os capítulos são curtinhos e mesmo tendo lido em ebook dá para sentir como o projeto gráfico está especial. Temos imagens em algumas páginas e não percebi erros de ortografia. 

Ao final dessa leitura, a única coisa que posso dizer é que leiam! 

Com certeza Caden vai te emocionar e te fazer refletir muito sobre tantas coisas na vida que você vai se surpreender.








11 comentários via Blogger
comentários via Facebook

11 comentários

  1. Olá, tudo bem?

    Confesso que eu já estava curiosa quanto a esse livro, desde que vi a capa dele, título e li a sinopse, e com a sua resenha só tive mais certeza de que quero lê-lo.

    A mente humana é algo que me fascina também, bom saber que o autor abordou o tema escolhido com qualidade.

    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Oi, Xará.
    Andei vendo algumas divulgações desse livro, mas só agora que parei para ler a sua resenha que descobri do que se trata! Parece ser uma história muito bonita e emocionante!! Vou tentar de uma chance!
    beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  3. Também ando curiosa para conhecer a escrita do autor, ainda mais esse livro que trás um tema inovador para mim. Nunca li nada que abordasse algo tão enigmático como mencionou. Saber o quanto Caden se tornou especial para você só reforça minha vontade de ler esse livro.

    Abraços.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Eu também ando em uma história de amor e ódio com essa editora, é surreal ahha mas sinto que com esse livro em especial eles acertaram, ao conferir sua resenha tive mais certeza ainda, espero lê-lo em breve e que seja uma experiencia tao boa quanto a sua.

    ResponderExcluir
  5. A mente humana me fascina também. Gosto muito de ler livros voltados para o psicológico. Costumo lê-los mais quando navego pelos thrillers. Raramente tive a oportunidade de ler algo sobre o tema fora dos suspenses.

    A história despertou bastante o meu interesse. E se tiver uma chance irei ler sim! Tenho um pouco de medo também, confesso, mas a curiosidade é maior.

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Tenho visto muitas resenhas sobre esse livro e todas muito positivas. Eu ainda não conheço a escrita do autor, apesar de ele ser muito conhecido. Porém, acho que não começaria por esse livro. A premissa é interessante, mas não sou fã de livros que abordem tanto a mente humana. Além disso, parece ser uma leitura muito intensa e tocante, e no momento estou procurando livros mais leves.
    De qualquer forma, adorei sua resenha e o livro parece ser realmente muito bom. Não estou no clima para uma leitura como esta agora, mas quem sabe futuramente né?
    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. oi, camila. Parece um livro muito interessante, e acho que eu gostaria de ter um primeiro contato com esse autor com esse livro. Admito que fiquei um pouco preocupada quando você comentou que em certo momento fica meio confuso todas as realidades do personagem, mas acho que ainda assim eu gostaria.

    ResponderExcluir
  8. Oi, tudo bem?
    Eu andei vendo a divulgação desse livro e até não me empolguei muito. Achei que não fosse compreender ou que seria uma leitura cansativa. Mas a sua resenha me fez olhar de forma mais animadora, portanto, assim que tiver a oportunidade irei ler sim. Beijos

    ResponderExcluir
  9. Gostei do tema principal do livro e achei a capa e o título muito harmonioso com o que o autor se propôs a falar. Fiquei curiosa com o projeto gráfico interior do livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi, Cami

    Eu já tive experiências diferentes com o autor. Detestei Fragmentados e amei O Ceifador, então digamos que está 50/50! Hahaha
    A proposta desse livro é bem bacana, esse mergulho na mente do personagem e todos os mundos que ele cria parecem ser muito interessantes. Além, claro, do fato das resenhas serem majoritariamente positivas. Com certeza vou querer ler.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Olá,
    Realmente a mente humana é divina, inclusive quando encontramos um livro tão bem construído. Gostei da resenha super positiva da estória, e como a história conseguiu te envolver tanto. Anotei a dica e espero poder ler logo

    ResponderExcluir