Resenha: Hoje e Sempre - Nora Roberts - Editora Harlequin

Título: Hoje e Sempre - Os MacGregors #5
Autora: Nora Roberts
Editora: Harlequin
Ano: 2018
Páginas: 192
Onde Comprar: AMAZON  
Sinopse:




Daniel MacGregor sempre soube que construiria um império. Por isso, aos 30 anos e trabalhando para conquistar seu segundo milhão, ele decide que é a hora certa de encontrar a mulher perfeita para casar e começar uma família. As melhores candidatas são aquelas de linhagem forte, silenciosas, bonitas e que queiram ficar em casa cuidando dos futuros filhos. Anna Whitfield não se encaixa nesse perfil. Ela é a única mulher da turma de medicina e aspira ser uma ótima cirurgiã. A última coisa que Anna deseja é se casar e ter filhos, pois isso iria interferir na sua dedicação à carreira médica. Mas Daniel não vai deixá-la fugir da atração que sentem, mesmo que para isso tenha que ignorar seus instintos que imploram por um casamento e aceitar a proposta de Anna de apenas morarem juntos. Essa situação será um escândalo que apenas o amor poderá superar! Finalizando o arco da família MacGregor, Hoje e sempre vai emocionar as leitoras com uma história controversa e repleta de amor!

 
Assim que comecei a ler os livros da série Os MacGregors, logo me interessei pelo patriarca Daniel MacGregor. 

Hoje e Sempre é o quinto livro dessa família e conta como tudo iniciou para Daniel e Anna. 

Considerado como a personalidade mais marcante dentro da família, Daniel desde jovem almejou uma posição de destaque na sociedade. Mas até conseguir essa façanha passou por muita coisa. 

De cara somos pegos com Daniel hospitalizado, seu estado inspira cuidados e por ser muito querido apesar de as vezes ser bem difícil de lidar, sua família se reúne até que ele melhore. 

Sempre muito dedicado, determinado e muito trabalhador, Daniel passou boa parte da vida na Escócia, porém foi nos Estados Unidos que sua fortuna como empresário cresceu consideravelmente ao longo dos anos. Tudo parecia se encaminhar dentro do previsto, mas esse homem de personalidade forte, ainda almejava formar uma família.

“— No mínimo. Começar a se apaixonar é uma montanha-russa, os altos e baixos, as emoções. Quando a paixão se enraíza é como um carrossel... girando e girando enquanto à musica toca. Mas amar... — Ela suspirou, lembrando-se. — é como um labirinto, Anna. Há curvas e becos sem saída. Você tem que continuar andando e confiando.”

Quando em uma festa de um de seus contatos ele visualiza Anna Whitfield, imediatamente se vê atraído pela bela mulher. A estudante e futura médica, está de férias na cidade e isso deixa Daniel frustrado pois está bastante interessado nessa mulher e por ela ter muitas qualidades que busca em uma esposa. 

Ao contrário de Daniel, Anna não tem desejo em se casar e só pensa em concluir a faculdade que está próximo de seu final. Para ela, é um feito muito grande, justamente por ser a única mulher na turma. E será um grande desafio para esse homem conseguir fazê-la mudar de ideia sobre o que pensa sobre o matrimônio.

"— Ser médico é profissão de homem.

— Aprecio a sua opinião. Acontece que não acredito que existe "profissão de homem" se uma mulher é capaz de exercê-la."

Claro que no final das contas tudo dá certo para eles, afinal se casaram e formaram uma bela família com filhos lindos e bem sucedidos. 

Durante a leitura podemos perceber alguns ganchos deixados que torço muito para serem esclarecidos nos próximos livros, os famosos spin-offs da série. 

Anna chama atenção por sua forma pacificadora. Decidida, ela sabe quais lutas deve lutar e com sua inteligência, sempre tem Daniel fazendo suas vontades. 

Por mais que não seja uma leitura inovadora, Nora tem a façanha de nos prender com seus enredos, além de nos fazer cair de amores por essa família, em como são unidos e que junto deles também teremos grandes confusões. E não importa o que aconteça, sempre teremos Daniel MacGregor tomando as rédeas das situações ou dando altos pitacos na vida daqueles que ele ama. E isso fica bem evidente nessa história através da sua personalidade forte e suas imposições, mas vale lembrar que naquele tempo era muito comum as mulheres aceitarem a submissão que eram impostas, diferente dos dias atuais. 

A autora foi bem feliz em trazer tanto as memórias do casal desde o início, assim como da vida deles antes de se conhecerem, mostrando como amadureceram ao longo dos anos de casados. O que mais gostei ao longo da narrativa foi poder ver uma mulher como Anna estar sempre lutando por seus ideais e sua profissão.



Como disse lá no início da resenha, esse é o quinto livro da série. O leitor poderá ler de forma independente, mas para aproveitar ao máximo a leitura e evitar qualquer tipo de spoilers, sempre recomendo a leitura na sequência. 

A editora Harlequin trouxe uma roupagem mais moderna no relançamento dessas edições. Ficaram lindas essas capas. 

Hoje e Sempre tem uma narrativa muito fluida, sendo um romance gostoso de se ler. Rapidamente o leitor finalizará a leitura e se encantará com a história de amor de um casal amadurecido, que passou por muitas situações felizes e tristes, comuns a qualquer casamento. 

Com personagens marcantes, essa história certamente irá aquecer seu coração.








12 comentários via Blogger
comentários via Facebook

12 comentários

  1. Preciso ler alguma obra dessa escritora urgente, pois ela está muito comentada nos blogs e igs literários. Não conhecia essa obra, mas fiquei bem curioso com esse enredo que deve ser bem intenso e contínuo. Anotado o título para minhas próximas leituras.

    Gustavo
    http://www.leituraenigmatica.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A escrita da Nora é leve e fácil de fazer, se gostar de romances vai ler rapidinho.
      Bjs

      Excluir
  2. Oiii,

    Eua direi a história da Anna e do Daniel, principalmente porque a achei ela uma mulher extremamente forte e doce, o que me deixou encantada! E eu ainda não li nenhum dos outros livros da série, é realmente já quero conhecer todos da família kkkkk Eu sempre acabo lendo os livros na ordem errada, mas Felizmente a série dos MacGregor não deixam a gente perdida quando se lê fora de ordem, ainda que eu tenha me perdido um pouco com os filhos porque a história deles já foi apresentada rs. Mas é uma ótima dica, adorei a história dos matriarcas, foi realmente muito legal.

    Beijinhos...
    http://www.paraisoliterario.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aninha,
      isso que deixa a leitura gostosa né. A personagem forte dá um brilho especial a trama. Gosto de personagens fortes.
      Bjs

      Excluir
  3. Oi, Camila!
    Eu cheguei a comprar esses livros na capa antiga, mas não li. Meu pai leu e adorou hahahahah
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha
      Minha tia ama Nora. Tem todos os livros antigos de banca dela, aprendi esse gosto com ela, li também a versão antiga.
      Espero que curta a leitura.
      Bjs

      Excluir
  4. Eu acho essas novas edições muito mais atraentes para o leitor, Nora segue sendo uma autora que nunca para de escrever ne? Acho sensacional demais haha ainda nao conferi esse mas ja está na minha lista de desejados.

    ResponderExcluir
  5. Oi Camila, tudo bem?
    Eu sou louca para ler a série dos irmãos McGregors, sempre ouvi muitas críticas positivas sobre a série, afinal a Nora Roberts é a rainha dos romances hahahaha
    Adorei a sua resenha, acho que me apaixonei um pouco por esse casal, a Anna parece ser uma mulher incrível!
    Não vejo a hora de ler a série, quero pra ontem.

    Beijos - anne and cia

    ResponderExcluir
  6. Ola Camila,

    A Harlequin simplesmente arrasou nessas capas da Nora. Me apaixonei pela capa, de verdade. A sua resenha está muito bem escrita e não tenho a menor duvida do que nos contou, pois é a Nora cara... e por mais previsivel e cliche que seja seus livros, a forma na qual ela escreve prende qualquer um!

    beijos
    Mayara

    ResponderExcluir
  7. Adoro as histórias maravilhosas da Nora e acho daniel e Ana muito fofos. Já li três da série mas dei uma pausa e agora preciso continuar e logo chego nesse livro.

    ResponderExcluir
  8. Oi Camila,
    Já tentei ler um livro dessa autora e não consegui me conectar nem aos personagens nem a narrativa, mas, curiosamente, a proposta desse livro despertou minha curiosidade. Fiquei intrigada para entender como a autora evoca essas memórias e como o leitor se sente com isso.
    Vou anotar a dica e me arriscar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oie!
    Eu acho que só li uma série de livros da Nora e lembro de ter adora a escrita leve e fluida que fazia querer ler tudo de uma vez! Adorei sua resenha e estava procurando um livro que fosse leve para começar a ler e acho que vou dar uma chance para essa série!

    Beijos
    Carol
    www.thereviewbooks.com.br

    ResponderExcluir