Resenha: Garota de Copacabana: O Recomeço - Barbara Ricch - 3DEA Editora

Título: Garota de Copacabana: O Recomeço #2
Autora: Barbara Ricch
Editora: 3DEA
Ano: 2018
Páginas: 322
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:

* Livro recebido em parceria com a editora


Despedaçada após o fim inesperado do seu casamento, Alícia decide retornar ao Rio de Janeiro e retomar sua vida. Agora sozinha e grávida, dará um novo rumo a sua vida. Um recomeço difícil, cheio de surpresas e dolorosas lembranças que serão constantes em sua vida. Alícia tem um novo desafio pela frente: recomeçar sua vida longe de Enrico e, com a ajuda do seu melhor amigo Mike, viverá grandes emoções. Mas nem sempre são apenas flores, seu novo começo será marcado por incertezas, dúvidas e sentimentos novos, despertados inesperadamente.


Após um final avassalador que mudou completamente o rumo da vida de nossa protagonista, Alícia agora está de volta ao Rio de Janeiro tentando recolher os cacos que sobraram do seu coração e de seu rápido casamento com Enrico. 

Como consequência do acidente de Enrico que não se recorda da parte que incluía Alícia e tudo que viveram, a ruiva resolve aceitar o divórcio e não revela a família dele que está carregando um filho deles, no qual mais tarde descobriria que se trata de uma menina.

“A parte difícil de um recomeço são as lembranças. Lembranças, às vezes, são muito boas, mas podem ser muito difíceis de recordar. Por poucos meses, vivi em um paraíso plenamente realizada e amada. Agora vivo em um abismo só, e com dolorosas lembranças de um amor intenso, que agora são somente minhas.”

Despedaçada, encontra alento na sua amizade com Mike e o apoio de seu pai. Mas uma notícia coloca Alícia em perigo, uma vez que as investigações apontam para uma armação envolvendo o acidente de Enrico, em uma tentativa de darem um golpe e roubarem a empresa da família dele. 

“— Enrico, como eu queria você aqui, queria tanto sentir seu cheiro, seus lábios, seu amor que apenas um olhar bastava, substituía qualquer palavra.”

E nada pode ser pior que não possa piorar, e com isso, Alícia se torna um alvo fácil para quem está tentando fazer mal a Enrico. Louco da vida e preocupado com sua amada, Enrico resolve mover uns pauzinhos para garantir que o amor de sua vida fique bem, enquanto tenta descobrir a verdadeira face por trás de todas essas armações, mesmo que para isso tenha que se aliar a pessoas de um passado tão doloroso. 

Repleto de mistérios que vão sendo revelados à medida que a leitura avança, Alícia vai tentando se reerguer do seu limbo, cuidar da sua gestação, mas com a aproximação de Enrico fica cada vez mais difícil seguir em frente sem deseja-lo ardentemente. E cada encontro promete uma avalanche de sentimentos. 

“À medida que se aproximava, seus olhos límpidos deram lugar ao desejo ardente que tanto vi naqueles olhos. Nossos olhares se conectaram e eu tentei falar, mas a voz não saiu. Ele colocou as suas mãos firmes em meu rosto, beijou cada lágrima que rolava em minha face e em seguida me deu um beijo casto.”

Preocupada com os mistérios e os segredos que Enrico mantêm fora de seu conhecimento, Alícia teme o futuro de sua família. E quando toda a verdade vem à tona, poderá colocar tudo a ruir mais uma vez. 

Será o fim da linha para Enrico e Alícia? 


Estou em um caso de amor e ódio com esse casal e vou explicar o porquê. 

A trama em si é gostosa, a narrativa é realizada por Alícia e as páginas fluem rapidamente. Com alguns suspenses que dão um ritmo interessante ao longo dos capítulos, o casal tem uma química absurda, a amizade e relações familiares são o ponto alto, apesar de alguns tropeços do Mike para ajudar sua amiga. Mas temos o nascimento da filhinha de Enrico e Alícia foram cenas bem emocionantes, a realização de se ter uma companhia de dança e vê-la a pleno vapor foi bem legal também. 

Porém, no segundo livro, algumas situações ainda me incomodaram e por isso sinto que tive dois momentos ao longo da leitura. Alícia se destaca em muitas cenas como uma pessoa forte, mas quando se trata de Enrico acaba cedendo muito fácil aos erros deles. Tudo bem que se trata de uma história, mas ando bem cansada de casais que resolvem tudo no sexo, que o homem faz de um tudo passando por cima da mulher com suas atitudes bem machistas, ciúmes exagerados e dão a desculpa de que é para proteção, para o seu bem.  Enrico deu várias mancadas e vai ter que mudar muito para subir no meu conceito novamente. 

Sobre a edição: A 3DEA Editora tem caprichado em seus livros. A capa é bonita, a diagramação cuidadosa, fonte agradável para leitura. Ao final do livro, ainda nos deparamos com um bônus na visão do Enrico sobre algumas cenas do livro que são bem interessantes e reveladoras. 

A trilogia, Garota de Copacabana já se encontra disponível em ebook e em versão física apenas os dois primeiros livros, porém, Garota de Copacabana: O Perdão, em breve estará disponível para venda. 

Mesmo que esse livro não tenha ficado dentro das minhas expectativas, quero muito saber qual será o desfecho dessa trama e o que a autora reservará para nosso casal, Enrico e Alícia. 

Um romance quente sobre incertezas, vingança, com muito suspense e grandes revelações.







14 comentários via Blogger
comentários via Facebook

14 comentários

  1. Oi, Camila! :D
    Não conhecia essa trilogia ainda. Estou até bem surpresa pois parece ser uma trama bem elaborada e é sempre algo muito bom quando a gente vê esse tipo de história vindo de autores nacionais. Adoro o fato do livro trazer o Rio de Janeiro como cenário porque nunca gosto muito quando os autores nacionais criam narrativas ambientadas em outros países. Mas admito que saber que há atitudes machistas e cenas em que os personagens resolvem tudo no sexo fez com que eu sentisse menos interesse pela história. De qualquer forma, adorei sua resenha e conhecer mais sobre este livro! Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Esse volume da trilogia parece ser triste, pois a protagonista parece que irá passar por muitas dificuldades na trama. É um tipo de história que gosto de ler, pois participo do sofrimento e vibro com as conquistas que a personagem passa. Anotei a dica, mas antes preciso ler o primeiro volume.

    ResponderExcluir
  3. Tudo bem? Não conhecia o livro e em geral nem curto tanto o estilo. Mas tenho lido coisas diferentes e sendo assim esse livro me chama atenção sobre a premissa, ter uma mulher recém separada e grávida tendo que se refazer..
    Já me ganhou aí.
    Fiquei curiosa.

    Beijos.
    Vou adicionar as minhas leituras.

    www.alempaginas.com

    ResponderExcluir
  4. Olá! É mesmo muito ruim quando tem um personagem que aceita tudo do outro não é? Eu também tomo uma birra de personagens assim.. Não conheço o primeiro volume, mas achei bem sem sentido ela ter aceitado o divórcio estando grávida, amando o cara, ele também a amava, pelo que parece, e por o cara ter perdido a memória ela deixa pra lá? Achei no sense mesmo! enfim, agradeço a dica!

    Bjoxx ~ www.stalker-literaria.com ♥

    ResponderExcluir
  5. não conhecia o livro e não li o primeiro, mas não fiquei curiosa pra ler. que pena que você se decepcionou um pouco com esse livro, mas se eu fosse você também iria querer saber do desfecho, haha.
    ótima resenha!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
  6. Olá amore,

    Que capa mais amor - Alícia tem uma história de vida e tanto, que emocionante parece ser, já quero conhecer.
    Dica anotada por aqui.
    Adorei a resenha e a foto!
    Arrasou!

    Beijokas!
    www.facesdeumacapa.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi Cami, tudo bem? Achei suas criticas super pertinentes, apesar de ser só uma história, a gente não é obrigado a aceitar esse tipo de personagem com atitudes babacas e que reforçam esteriótipos, na verdade, personagem assim só atrapalha, ne? Uma pena de verdade. Em todo caso, me parece ser uma história com muito potencial.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Camila, tudo bom?
    Aquele momento que eu paro e penso: de onde saiu essa editora xD Nunca tinha ouvido falar dela e vou atrás para saber mais.
    Sobre o livro, assim como você, estou cansada de romances que se resumem a sexo e a protagonistas masculinos que acham que precisam ser os machos alfas para "proteger" suas parceiras. Sei lá, isso já tá tão no passado que td vez que eu vejo um personagem assim eu fico com raiva rsrs
    A história por si só não me parece muito diferente de tantas outras q vemos em livros do gênero, vou procurar conhecer mais o primeiro volume para confirmar ou desmentir minha primeira impressão.
    Gostei da resenha.
    Beijinhos.

    ultimasfolhasdooutono.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia o livro e curti bastante em ver um livro que se passa no Rio de Janeiro, nunca li nada do tipo. Ando tão cansada de ler as histórias sendo contada Nova york, que quando vejo algo diferente, logo me anima.

    Te entendo quando vc fala que o personagem do Enrico, e também me incomoda bastante quando o autor fica nessa de que pra resolver os problemas entre um casal tem que ser levando para cama.

    Adorei a sua resenha e amei a capa dos dois livros. beijos

    ResponderExcluir
  10. Oi Camila,
    Adorei conhecer suas impressões sobre esse livro e fiquei muito contente por saber que, mesmo o livro não tendo atingido suas expectativas, você tenha ficado curiosa para conhecer o desfecho desse casal. Eu não me senti muito empolgada para ler essa história e nem com os personagens, mas é interessante saber que a autora abordou questões importantes e o que o casal tem uma boa química.
    Vou passar a dica, mas acho que fãs do gênero vão adorar esse livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Oi Camila,
    Mesmo você dando 3 estrelas para o livro, fiquei com vontade de acompanhar a história desse casal. Não considero 3 estrelas ruim, está na média. Mesmo sabendo que há atitudes machistas
    por parte do Enrico e cenas em que os personagens resolvem tudo no sexo, vou arriscar a leitura. Deve funcionar entre leituras mais pesadas.
    Beijos,
    André | Garotos Perdidos

    ResponderExcluir
  12. Olá,

    Não sei o porquê, mas sou o tipo de pessoa que adora tramas que envolvam gravidez e complicações em torno dessa situação hahah, por isso de cara me interessei por essa obra, desanimei um pouco por ser uma série e estou evitando começar novas, contudo deixarei a dica anotada.

    Beijos,
    oculoselivrosblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oii

    Nossa, nao conhecia esse livro! Adoro questões de dramas familiares e de relacionamentos, sabe?

    Uma pena que você não curtiu tanto esse livro, é aquela velha historia da maldição do segundo livro ne?
    Espero que a continuação seja incrivel e que feche essa serie com chave de ouro!

    beijos

    ResponderExcluir
  14. Eu ainda não conhecia essa série e fiquei bem interessada porque o enredo me pareceu ser original e instigante. O fato de se passar no Rio de Janeiro me enche os olhos porque eu amo muito a cidade maravilhosa. Geralmente os segundos livros de uma trilogia sofrem desse mal de não atender as expectativas, mas estou curiosa pra saber se o terceiro te farpá ficar satisfeita com toda a serie.
    beijos

    ResponderExcluir