Resenha: O lado bom de ser traída - Sue Hecker - Editora HarperCollins

Título: O lado bom de ser traída - Série Mosaico #1
Autora: Sue Hecker 
Editora: HarperCollins
Ano: 2016
Páginas: 400
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:


Bárbara é uma profissional de sucesso. Noiva há cinco anos de Caio, um empresário no ramo de telecomunicações, sua vida é completa e plena. Porém, ao ver uma foto dele ao lado de uma mulher que se intitula também sua noiva, o mundo de Bárbara desmorona. Decidida a não se entregar à decepção, ela resolve dar a volta por cima. Com o visual renovado, começa a adotar outras posturas, afastando de vez a depressão. Para a sua surpresa, o destino coloca em sua vida Marco, um juiz extremamente sexy. Bastou um olhar para que ambos fossem tomados por uma alucinante tensão sexual. Resta saber se, de fato, Bárbara mudou o suficiente para se entregar sem amarras.



Assim que terminei de ler o ebook de O Prelúdio do Cinismo tive que correr para Amazon para comprar o kit com os livros da série Mosaico. Fiquei extremamente curiosa com tudo o que o Caio aprontou com Bárbara e precisava ver o desfecho que a autora iria dar para a personagem nesse livro.

Em O lado bom de ser traída, acompanhamos exatamente de onde terminou o Prequel. Agora que Barbara conheceu o outro lado de Caio, seu ex-noivo, tenta controlar os danos emocionais causados e seguir em frente.

O relacionamento que já durava cinco anos foi por água abaixo assim que Barbara descobriu que Caio estava noivo também de Nicole. Decepcionada ela decide tirar alguns dias para chafurdar em autopiedade, mas determinada do jeito que Barbara é, decide dar uma repaginada no visual e retomar sua rotina de trabalho dias após sofrer essa decepção.

“Amor sem reservas. É o que sinto por ele. Após a desilusão que sofri, nem em mil anos teria buscado um novo amor, mas ele estava lá para mim, em uma bendita audiência. Apesar do meu receio em me abrir, em ir além do desejo e atração, o meu até então frágil coração foi atingido por algo maior. E esse amor é inédito em minha vida, pois vem acompanhado de muito respeito, admiração e um desejo que exalo pelos poros.”


Focada em seus afazeres, tudo parecia ir dentro do seu modo operandi. Acompanhando um cliente afim de esclarecer sobre as contas da empresa, seu olhar cruza com o juiz que comanda a audiência em que precisa se concentrar.

O juiz em questão, é Marco Ladeia, um homem com um passado repleto de marcas, mas de uma força e generosidade sem tamanho.

A atração é imediata e o destino que não está para brincadeiras, resolve dar seu jeito e fazê-los cruzarem os caminhos mais algumas vezes. Barbara tem suas reservas e seu relacionamento fracassado a deixa um tanto temerosa, porém ao conhecer um pouco mais dos sentimentos de Marco, ela não tem dúvidas do quanto o destino foi generoso em colocá-lo em seu caminho, entendendo assim o lado bom de ser traída.

“A entrega sincera do Marco faz aumentar ainda mais o amor que sinto. Às vezes, rio sozinha, concluindo que, quando acho que cheguei ao máximo de amor que posso sentir, ele me surpreende e mostra que há muito mais.”



Depois que li o prequel entendi um pouco do porquê do título do livro ser O lado bom de ser traída, porém a trama é muito mais que a história de um casal que inicia um relacionamento e consegue passar por cima dos seus medos, dramas e toda aquela euforia de se estar com alguém.

Pra mim o grande destaque dessa história vem através do histórico de vida de Marco. Um homem que sempre foi integro, lutou para colocar em prática seus projetos e amou sem medidas. Não quero entrar muito em detalhes para não estragar para quem vai ler, mas com certeza as cenas dele com Vitória são carregadas de amor e muitas emoções.

A história é narrada de forma alternada por Barbara e Marco, porém a autora não economizou em iniciar as tramas dos personagens secundários, então somos agraciados com parte de suas narrativas. 

Sobre a edição: Na capa temos as letras do título em alto relevo, um toque meio aveludado, diagramação simples e fonte confortável para leitura.


Uma trama com direito a muitas confusões, intrigas, suspense e revelações bombásticas. O lado bom de ser traída traz um enredo bem erótico, com cenas picantes, um casal que nos leva a risadas e em questão de segundos nos envolve deixando em suspenso e ansiando por mais. Com uma escrita fluida, Sue Hecker mexe com nossos sentimentos, fazendo-nos refletir sobre os caminhos que muitas vezes não entendemos na hora, mas depois agradecemos as dádivas recebidas mesmo que essas tenham prazo estipulado pelo Criador.

A série Mosaico publicada pela HarperCollins e Harlequin, atualmente conta com oito livros (entre prequel, spin-offs) e você pode conhece-los melhor acessando a ordem de leitura que está postada aqui no blog.






    
6 comentários via Blogger
comentários via Facebook

6 comentários

  1. Sinceramnete eu acho impossível querer ler este livro em função deste título. Li dois livros da Sue Hecker e acho que a escrita dela não é para mim, por isso essa dica vou deixar passar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Fiquei curiosa para ler o livro só para descobrir o lado bom de ser traída, isso é se tem. Sem dizer que o pouquinho que falou sobre Marco me deixou curiosa, ainda mais pelas intrigas e confusões que mencionou conter a história, então é uma pena ser uma série tão grande, mas se tiver a oportunidade quero muito conhecer a escrita da autora.

    Abraços e feliz 2019

    ResponderExcluir
  3. Oi, Cá.
    A história parece ser bem promissora e agora estou com vontade de conhecer toda a série Mosaico. Infelizmente não tenho mais espaço para livros físicos, então vou procurá-los em ebook. Ainda bem que você é ninja e já deixou a lista dos livros, na ordem!! Obrigada! Ajudou muito!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  4. Já tinha me deparado muito com esse livro por aí, mas é a primeira resenha que me lembro de ter lido dele que foi minuciosa. E que me deixou curiosa não só por esse livro, porém pela série inteira. Agora só resta saber quando conseguirei chegar a essa série.

    ResponderExcluir
  5. Olá, Camila.

    Eu li esse livro e fiquei extremamente apaixonada pelos personagens. Marco foi uma pessoa que me ganhou logo de primeira, depois que fui descobrindo mais sobre a vida dele, fiquei extremamente emocionada.
    Esse ano pretendo ler Sr. G da autora, tenho certeza que irei gostar!

    ResponderExcluir
  6. Oi oi querida,

    eu já li a resenha dos outros livros da série, e até li dois livros da autora. Porém, de todos os livros da série esse foi um dos únicos que não chamou a minha atenção. Não sei se foi a premissa que a autora criou, se foi os personagens ou até mesmo o cenário que ela usou. Mas realmente não fiquei nem um pouco curiosa para conhecer o casal.
    A sua resenha ficou incrível e deu para entender e ver tudo o que vamos encontrar durante a leitura, mas acho que não vai ser dessa vez que vou ler mais um NA...

    Beijoss, Enjoy Books

    ResponderExcluir