Resenha: Escândalos na Primavera - Lisa Kleypas - Editora Arqueiro

Título: Escândalos na Primavera - As Quatro Estações do Amor #4
Autora: Lisa Kleypas
Editora: Arqueiro
Ano: 2017
Páginas: 224
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:


Daisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braçaisy Bowman sempre preferiu um bom livro a qualquer baile. Talvez por isso já esteja na terceira temporada de eventos sociais em Londres sem encontrar um marido. Cansado da solteirice da filha, Thomas Bowman lhe dá um ultimato: se não conseguir arranjar logo um pretendente adequado, ela será forçada a se casar com Matthew Swift, seu braço direito na empresa.
Daisy está horrorizada com a possibilidade de viver para sempre com alguém tão sério e controlador, tão parecido com seu pai. Mas não admitirá a derrota. Com a ajuda de suas amigas, está decidida a se casar com qualquer um, menos o Sr. Swift.
Ela só não contava com o charme inesperado de Matthew nem com a ardente atração que nasce entre os dois. Será que o homem ganancioso de quem se lembrava era apenas fachada e ele na verdade é tão romântico quanto os heróis dos livros que ela lê? Ou, como sua irmã Lillian suspeita, o Sr. Swift é apenas um interesseiro com algum segredo escandaloso muito bem guardado?
Fechando com chave de ouro a série As Quatro Estações do Amor, Escândalos Na Primavera é um presente para os leitores de Lisa Kleypas, que podem ter certeza de uma coisa: embora as estações do ano sempre terminem, a amizade desse quarteto de amigas é eterna.


Daisy Bowman é a última das solteironas das Flores Secas. Romântica, amante da leitura e muito sonhadora, ainda não conseguiu despertar o real interesse de uma pretendente. 

Com essa dificuldade de conseguir um marido a altura para sua filha, Thomas Bowman decide que se até o final de maio ela não conseguir um marido, vai casá-la com um dos seus escolhidos, que não caso é Matthew Swift, de quem já conhece por trabalhar com seu pai.

O problema é que para Daisy, as memórias que tem desse rapaz não são as melhores e porém, todo mundo desabrocha com o passar do tempo e não seria diferente para Matthew, que se encontra mais bem apessoado, com os negócios a todo vapor e com uma beleza completamente diferente da qual ela se recordava.

Matthew teve um passado complicado, mas conseguiu se estabelecer dentro da sociedade londrina e segue com seus negócios em ascensão.

"Meu Deus, nunca em sua vida vira tamanha transformação. O 'saco de ossos' tinha se transformado em um homem forte e bem-sucedido que irradiava saúde e vigor. Usava roupas elegantes que não escondiam a bela musculatura. As mudanças não eram só físicas. A maturidade lhe dera um ar confiante, de um homem que conhecia as próprias habilidades."

Para a nossa romântica incurável, ao se deparar com esse novo Matthew não poderia ter comparação melhor com os personagens que lia nos livros, o que ela não sabia, é que esse agora homem, anos atrás nutria sentimentos por Daisy, ou seja, caso casassem pelo menos da parte dele seria por amor. Porém, mesmo que essa fórmula tivesse tudo para dar certo, Matthew não parece confortável com essa opção, afinal, existe segredos em sua vida que ele não gostaria que viesse à tona pois poderia colocar em risco, além de magoar Daisy.

“Ela o olhou de relance com olhos semicerrados. Um livro sempre era uma porta para outro mundo, mais interessante e fantástico do que a realidade. Mas ela finalmente descobrira que a vida podia ser ainda mais maravilhosa do que a fantasia. E que o amor podia encher o mundo real de magia. Matthew era tudo que já havia desejado. E tivera tão pouco tempo com ele!"

Será que Matthew conseguirá resistir aos encantos e a inteligência do grande amor de sua vida?


Com todas as amigas casadas, o quarteto das Flores Secas chega ao fim e já deixa aquele sentimento gostoso de saudade. 

Lisa tem um jeito especial de conduzir seus personagens e vamos nos deparar com alguns deles mais pra frente em outras séries, o que por sinal me agrada demais. É sempre bom revê-los, saber como seguiram a partir do final de cada história.

Sobre a edição: Uma das capas mais bonitas da série, a edição publicada pela editora Arqueiro, traz uma diagramação simples e fonte padrão que são confortáveis para leitura. 

Narrado em terceira pessoa, Escândalos na Primavera fecha de forma esplendorosa. Um romance de época com personagens envolventes, inteligentes, com diálogos bem construídos. Repleto de carisma, com muitas cenas divertidas de amizade e demonstrações de carinho, o casal vai sendo construído pouco a pouco, nos arrebatando com esses românticos incuráveis.







12 comentários via Blogger
comentários via Facebook

12 comentários

  1. Oiii, Camila, tudo bem?
    Que resenha maravilhosa, ainda não tive a chance de ler algum livro dessa autora, mas a cada resenha isso me motiva mais e mais! Fico feliz que tenha gostado e que a edição tenha ficado tão linda, super leria e amei sua resenha.
    Beijinhos <3

    ResponderExcluir
  2. Estas meninas deixaram saudades quando terminei de ler a série. Elas são incríveis mesmo. Matthew foi uma grata surpresa e achei que formou um lindo par com Daisy.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
  3. Tudo bem? Eu não acompanho nenhuma obra da autora, apesar de conhecer sua escrita não é muito meu estilo preferido de leitura.
    Esse ano quero ler mais livros para relaxar, por conta do peso de alguns problemas e da faculdade. Então pretendo tentar mais livros assim..
    Ótima dica até para quem não curte tanto o gênero. Serve para repensar quais livros dar uma chance.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Oi, Camila!
    Essa série é linda e está entre os meus desejados. A cada resenha que leio fico mais encantada e só vejo elogios à escrita da Lisa Kleypas.
    Espero poder adquirir em breve.
    Amei tua resenha!
    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Oi, Camila!
    Lendo a resenha eu fiquei até com saudade dessa série. Esse livro foi o meu favorito dos quatro e eu desejava que ele tivesse mais páginas para não acabar nunca. A Lisa parece que tem um dom para criar personagens cativantes e romances inesquecíveis, e esse livro é um ótimo exemplo disso.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Eu não sou lá muito fã de romances de época, então dificilmente fico animada com livros desse gênero, sabe? Mas como só leio bons comentários sobre essa autora, acredito que as obras são ótimas. Enfim, fico feliz que você tenha gostado tanto da leitura.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  7. Que bom que esse quarteto deixou saudades de uma forma ão positiva, em 2018 li um grande número de resenhas dessa série e é impressionante como os leitores suspiram.

    ResponderExcluir
  8. Oi Camila, sua linda, tudo bem?
    Eu conheci a autora através dessa série e me apaixonei. A escrita dela realmente é ótima e divertida. E os personagens são apaixonantes. Estou louca agora para ler a série dela mais recente. Sua resenha ficou ótima!!
    beijinhos.
    cila.

    ResponderExcluir
  9. Olá,
    Ainda não nenhum romance de época da Lisa, porém sei o quanto ela capricha em seus livros (li alguns dramas dela). Sempre é satisfatório quando uma série terminar com um ótimo final né. Parece muito boa a série.

    Debyh
    Eu Insisto

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Aah eu já fiquei com o coração quentinho com esta resenha! Já quero ler e olha que eu não leio muitos livros do gênero! Parece ser um daqueles romances cativantes mesmos. Já quero ler

    ResponderExcluir
  11. Oi Cami, como não amar Lisa, ne? Ela sempre me deixa com um sentimento gostosinho no final dessas histórias, acho que ela consegue condensar bem os sentimentos e envolver cada um dos leitores.

    ResponderExcluir
  12. Ola Camila, que resenha mais linda!
    Morro de vontade de ler as obras da Lisa, mas recentemente tive um serio problema com romances de epoca e meio que me afastei do genero, mas a sua resenha está realmente incrivel e consegue nos instigar para o romance. O problema, é que pra mim, mesmo nao sendo, parece tudo a mesma coisa pra mim kk

    beijos

    ResponderExcluir