Resenha: Sem Coração - Marissa Meyer - Editora Rocco

Título: Sem Coração
Autora: Marissa Meyer
Editora: Rocco Jovens Leitores
Ano: 2018
Páginas: 416
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:


Catherine era uma das garotas mais desejadas do País das Maravilhas e a favorita do ainda solteiro Rei de Copas, mas seus interesses eram outros. Por seu talento na cozinha, ela só queria abrir uma confeitaria em sociedade com sua melhor amiga e oferecer ao Reino de Copas os mais deliciosos doces e bolos.
Porém, de acordo com sua mãe, era uma ideia inaceitável para a jovem que poderia ser a próxima rainha. Em um baile real em que o rei pretende pedi-la em casamento, Cath conhece Jest, o belo e misterioso bobo da corte. Pela primeira vez, sente a força da pura atração. Mesmo correndo risco de ofender o rei e contrariar os pais, ela e Jest iniciam um relacionamento intenso e secreto.
Cath está determinada a escolher o próprio destino e se apaixonar nos seus próprios termos. Mas em uma terra repleta de magia, loucura e monstros, o destino tem outros planos...
A aclamada autora das Crônicas Lunares oferece uma visão do País das Maravilhas diferente de qualquer outra já vista e conta a história de uma garota que viria a ser um dia a famosa Rainha de Copas.



Lady Catherine Pinkerton é filha do Marquês e Marquesa do Recanto da Pedra da Tartaruga. Uma jovem com sonhos e ideais, seu passatempo favorito estava em passar horas dentro da cozinha do castelo preparando verdadeiras delícias gastronômicas. Através desse amor, ela tinha um sonho de ter sua própria confeitaria, mas não seria uma tarefa fácil convencer seus pais que com sua posição poderia ficar à frente dos negócios. 

Sua aptidão porém, caiu nas graças do Rei que se deliciava com cada fatia de bolo, torta ou qualquer coisa que Catherine inventasse na cozinha, não demorando a se tornar alvo das intenções do Rei para ser a futura Rainha do Reino de Copas. Mas mesmo que não tivesse a menor vontade de se casar, se veria obrigada a aceitar por causa de seus pais, então para ganhar tempo, convence o Rei a cortejá-la. 

“— Eu não quero ser a rainha! Eu quero… Não sei. Se um dia eu me casar, eu quero que haja romance e paixão. Quero me apaixonar.”
O que Catherine não contava é que seu coração balançaria por Jest, o bobo da corte do Reino de Copas, porém por mais que quisesse seria loucura seguir em frente, seus pais nunca lhe dariam permissão para ser cortejada por ele e com o pedido do Rei tudo complicaria. 

Mas o perigo ronda o reino e mudaria de vez o curso dessa história. O Jaguadarte realmente existe, levando uma onda de pânico com seus ataques e a solução se mostra cada vez mais difícil de executar, porém o segredo que Jest tem mantido escondido pode ajudar a combater esse perigoso monstro, mas para isso acontecer, Catherine terá que tomar uma grande e importante decisão, mesmo que custe o seu precioso e adorável coração. 

“— Às vezes seu coração é a única coisa que vale a pena ouvir.”


Sem Coração traz uma nova perspectiva da história da jovem moça que se tornou a temida Rainha de Copas. Em todo o enredo é possível notar as referências utilizadas pela autora e caso o leitor tenha alguma dúvida, ao final da leitura a autora conta um pouco mais sobre suas intenções com a criação desse enredo. 

Prepare-se para entrar em um universo de personagens conhecidos: Coelho Branco, Cheshire, Chapeleiro Maluco e citações a Alice, ainda que de forma bem sutil. 

Com um início mais lento, após os cinco primeiros capítulos fui totalmente fisgada e a leitura fluiu muito bem. Os personagens são interessantes de analisar, em algumas passagens enigmáticos e contraditórios, mas em sua maioria são cativantes, e aqui vale destacar Jest, com seu humor ácido e charadas incríveis, mas também por seu carinho e envolvimento com Catherine. Impossível não torcer por eles. 

Ainda que a personalidade de Catherine irrite em algumas passagens, afinal seu destino é ser uma vilã, o final sem dúvidas fez valer a pena e por isso indico a leitura para os amantes de releituras e novos olhares para um clássico dos contos de fadas.

DLL20 Janeiro | Livro com capa branca.


0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário