| Resenha | Dez coisas que eu amo em você - Julia Quinn - Editora Arqueiro

Título: Dez coisas que eu amo em você - Trilogia Bevelstoke #3
Autora: Julia Quinn
Editora: Arqueiro
Ano: 2020
Páginas: 288
Onde Comprar: AMAZON 
Sinopse:

*Ebook recebido em parceria com a editora.

Annabel Winslow está em uma grande enrascada. Ela acabou de chegar a Londres para participar de sua primeira temporada e já chamou a atenção do conde de Newbury, que está atrás de uma mulher que lhe garanta um herdeiro.
Com seus quadris largos, Annabel parece especialmente fértil, o que faz dela a candidata ideal. O problema é que o conde tem no mínimo 75 anos e ainda por cima é um grosseirão inveterado.
Certamente ela não tem nenhuma vontade de se casar com ele, mas sente que não tem escolha. Seu pai morreu há pouco tempo e deixou a família inteira, incluindo os sete irmãos e a mãe de Annabel, praticamente na miséria.
Então, durante uma festa, ela conhece Sebastian Grey, o charmoso sobrinho do conde. E de repente se vê cortejada não apenas pelo velho assanhado, mas também pelo irresistível e misterioso jovem.
Agora ela precisa decidir entre se casar com um homem que acha repugnante, e com isso garantir o futuro de sua família, e seguir o próprio coração, dando a si mesma a chance de um final feliz.





“Qualquer coisa que dissesse seria apenas uma tradução insuficiente do que havia em seu coração.”
Annabel Winslow viu sua vida mudar com a perda precoce de seu pai. Com uma família numerosa e praticamente na miséria, ela precisará arrumar um bom partido na temporada de bailes da sociedade londrina. 

Reunindo atributos – beleza e um biótipo saudável – logo se vê cortejada por Conde Newbury. Para seu horror, ele já se encontra com uma idade bastante avançada, mas como a pressão para salvar a família é tão grande, Annabel não tem muita escolha, isso tudo até surgir em seu caminho, Sebastian Grey. 

Sebastian, um belo homem que por onde passa atrai muitos olhares. As mães estão alvoroçadas para que ele corteje uma de suas filhas. Cansado de levar uma vida solitária e de casos sem envolvimento, decide dar uma volta nos jardins e acaba esbarrando em uma bela moça, Annabel. 

Os dois começam a conversar, logo descobrem afinidades, tudo fluindo muito fácil. Porém, a notícia de que Annabel é a prometida do conde que é seu tio, lhe deixa entre a cruz e a espada. 

Agora, Annabel terá que decidir: livrar sua família da miséria ou entregar seu coração para um cara que certamente lhe fará a mulher mais feliz do mundo. 

“— Quando olho para você – sussurrou ele –, eu simplesmente sei.
E ele percebeu que, às vezes, as palavras mais simples bastavam. Ele a amava e sabia disso, e isso bastava.”


No livro anterior Sebastian já chamou minha atenção com sua aparição e nesse livro temos oportunidade de conhece-lo mais profundamente e entender seus sentimentos, assim como sua relação com seu detestável tio, o conde. 

Com uma narrativa fluida e muito divertida, Julia Quinn não poderia ter escolhido um personagem melhor para finalizar essa trilogia. Os diálogos são inteligentes e bem construídos. Fui conquistada logo no início e não consegui parar a leitura. 

Também podemos contar com a aparição dos personagens dos livros anteriores e matar um pouquinho das saudades, vale destacar Olívia, sempre estrelando nas melhores cenas. 

Entre segredos e muitas confusões, ainda temos algumas reviravoltas interessantes que vale super a pena descobrir. Em relação a construção do casal e apesar de ter achado Annabel um pouco ofuscada com a participação de Olivia, o romance deles se mostrou fofo e cheio de romantismo. Tanto que foi difícil escolher as melhores citações para colocar na resenha. 

Com um final para aquecer os nossos corações, Dez coisas que eu amo em você entra com louvor para a lista dos meus favoritos romances de época da autora.


0 comentários via Blogger
comentários via Facebook

Nenhum comentário